«Voltar

PREVENÇÃO DO COVID-19 DITA ADIAMENTO DA 6ª REUNIÃO PLENÁRIA

Inicialmente agendada para esta quarta-feira, dia 18, a 6ª Reunião Plenária Ordinária da Assembleia Nacional foi adiada, por tempo indeterminado, para a observância das medidas de prevenção e de contenção da propagação da pandemia do Corona Vírus (Covid-19), apesar de Angola não ter ainda registado nenhum caso da doença.

A deliberação saiu da Conferência dos Presidentes dos Grupos Parlamentares que reuniu esta manhã, sob a orientação do Presidente do Parlamento, Fernando da Piedade Dias dos Santos.

Entretanto, em comunicado à imprensa, o 1º Secretário da Mesa, Deputado Raúl Lima, referiu que a Assembleia Nacional vai continua a funcionar normalmente, realizando os seus trabalhos nas Comissões de Trabalho Especializadas e Secretaria Geral, sem obviamente descurar as medidas preventivas a serem observadas.

O Deputado Lucas Ngonda, da FNLA, entende que o adiamento da reunião plenária foi uma medida acertada. 

O Presidente da Assembleia Nacional está muito preocupado com a situação da pandemia do Corona Vírus no mundo. Como se trata de uma doença muito contagiosa e todas as nações estão a tomar medidas de contenção para se evitar a expansão, nós concordamos plenamente com o adiamento da plenária, salvaguardando assim a vida que é o bem mas precioso”, destacou.

Benedito Daniel, Presidente do PRS, concorda também com o adiamento da reunião plenária, uma vez que a vida e a saúde devem estar em primeiro lugar.

“O adimento da reunião foi feito em função de se proteger o bem mais valioso que é a vida. Os deputados devem também cumprir com as recomendações da comissão interministerial para prevenção e combate do Corona Vírus e nós achamos muito sensata a decisão de adiar a plenária de hoje”, sustentou.

Para o Presidente do Grupo Parlamentar da CASA-CE, Deputado Alexandre Sebastião André, as autoridades angolanas deviam tomar uma posição mais esclarecedora sobre a situação actual do Covid-19 no país.

“Nós somos de opinião que ante esta situação e com as medidas que estão a ser tomadas no que diz respeito a prevenção e combate, o Titular do Poder Executivo devia se pronunciar para tranquilizar a nação, evitando-se assim especulações veiculadas nas redes sociais e nos media”, defendeu.

Por seu turno, o Presidente do Grupo Parlamentar da UNITA, Deputado Liberty Chiaca, disse que considerou “uma medida prudente”, por corresponder aos esforços globais de prevenção e combate ao Covid-19. É uma pandemia já decretada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), “logo estamos aqui para transmitir uma mensagem de unidade e solidariedade a todos os povos do mundo”, concluiu.

Já o Presidente do Grupo Parlamentar do MPLA, Deputado Américo Cuononoca, mencionou ocomunicado da comissão interministerial de prevenção e combate ao Corona Vírus.

“Uma das medidas é evitar a concentração de mais de 100 ou 200 pessoas, sobretudo em locais fechados. Como sabem a realização de uma reunião plenária envolve não só deputados, mas também funcionários, assistentes, motoristas, escoltas e o pessoal da segurança, então acho prudente adiar as reuniões plenárias por enquanto”, referiu o parlamentar, visto que as mesmas albergam um grande número de pessoas para a sua realização.