«Voltar

DEPUTADOS SOLIDARIZAM-SE COM AS VÍTIMAS DA SECA

Os deputados, funcionários e agentes parlamentares iniciaram hoje a recolha de bens diversos de primeira necessidade, para minimizar os efeitos da seca sobre as populações das regiões centro e sul, com realce para as províncias do Cunene, Cuando Cubango, Huíla, Namibe e Benguela.

No acto de lançamento da “Campanha de Solidariedade e Apoio às Populações Afectadas pela Seca no Centro e Sul do Nosso País”, realizado no Palácio da Assembleia Nacional, a Presidente em exercício, Deputada Emília Carlota Dias, salientou que o “sofrimento” por que passam as populações das regiões afectadas pela seca levou o Parlamento a juntar-se às várias iniciativas da sociedade angolana, que visam a melhoria das suas condições sociais e económicas.

“Enquanto representantes do povo, a Assembleia Nacional vem envolver todos os deputados, funcionários e agentes parlamentares, incluindo os Gabinetes Locais dos Círculos Eleitorais Provinciais, para que possamos ajudar com o mínimo que seja possível”, realçou a também 1ª Vice-Presidente deste órgão de soberania.

Refira-se que a campanha vai estender-se até ao próximo dia 12 de Julho. Os donativos poderão ser em valores monetários, bens da cesta básica não perecíveis, vestuários e utensílios domésticos.

O impacto negativo do fenómeno da seca no Centro e Sul de Angola é notório na província do Cunene, onde milhares de populares necessitam de atenção especial. Falta um pouco de tudo. O gado, que é a principal fonte de riqueza da região, está igualmente entre os afectados. A agricultura tornou-se impraticável, numa altura em que a pouca sementeira existente está a servir de alimento para humanos e animais de criação.